Operação da PF desarticula grupo que desviou R$ 200 mi no Tocantins; ex-governador é preso

Operação da PF desarticula grupo que desviou R$ 200 mi no Tocantins; ex-governador é preso
Foto: Tiago Rêgo / Agência Brasil
A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (13) a Operação Ápia para desarticular uma organização criminosa que desviou R$ 200 milhões por meio de fraudes às licitações públicas e execuções de contratos no Tocantins. O ex-governador Sandoval Cardoso foi preso temporariamente, e o também ex-gestor do estado, Siqueira Campos, foi conduzido coercitivamente. O grupo atuava na área de terraplanagem e pavimentação asfáltica em rodovias estaduais. A operação realizada em conjunto com o Ministério Público Federal e a Controladoria-Geral da União cumpre 113 mandados judiciais, dos quais 19 de prisão temporáriam 48 de condução coercitiva e 46 de busca e apreensão no Tocantins, Maranhão, Goiás, Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Brasília (DF) e Cocalinho (MT). De acordo com o G1, investigações da PF indicam que existiu esquema de direcionamento de concorrências envolvendo órgãos públicos de infraestrutura e agentes públicos do Estado em 2013 e 2014. As obras referentes às licitações foram custeadas por recursos de empréstimos de bancos internacionais e do BNDES, sendo o Banco do Brasil agente intermediário dos financiamentos de aproximadamente R$ 1,2 bilhão. A União foi garantidora da dívida. Em um dos contratos, uma empreiteira pediu complemento de mais de 1,5 mil caminhões carregados de brita para complemento da obra. Se enfileirados, os veículos cobririam 27 km, ultrapassando a extensão da rodovia que receberia a obra. (Atualizado às 08h08)

Fonte :Bahia Noticias

About Ladislau Leal

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário